A Sapata Não Encaixa

Uma das maiores emoções de uma mãe é ver a sua filha casar-se. Como resultado, é normal que ela queira participar ativamente na fase dos preparativos e ajudar com todo o tipo de tarefas. Desde procurar ideias para os convites de casamento até encomendar as lembrancinhas de casamento, a figura da mãe pode ser fulcral para que a noiva se sinta auxiliada pela família. No entanto, às vezes, o envolvimento da mãe pode ultrapassar os limites e causar alguma tensão durante os preparativos… Para que tal não aconteça, preparamos uma lista das coisas em que a mãe da noiva pode e não pode intrometer-se. Por isso, antes de convidá-la para sondar vestidos de noiva contigo, sugere-lhe esta leitura:

Marta Flores

  • PODE: ajudar-te a escolher o vestido

Este é uma das partes mais emocionantes dos preparativos, tanto para a noiva como para as suas acompanhantes. Por isso sim, a tua mãe pode e deve acompanhar-te na busca de daquele vestido de noiva com renda que tens idealizado desde que colocaste o anel de noivado na mão. A sua companhia vai fazer com que este momento seja ainda mais especial!

  • NÃO PODE: menosprezar o teu gosto pessoal

Se o que realmente queres é um vestido de noiva preto, então que assim seja! Por muito persuasivos que os argumentos da tua mãe possam ser para que optes por um modelo tradicional, lembra-te (e lembra-lhe!) que és tu que vais subir ao altar. É de extrema importância que te sintas identificada e comoda com o vestido que escolheres.

Ludgi Fotógrafos

  • PODE: contribuir financeiramente

Embora não seja obrigatório, é bastante comum que os pais dos noivos ajudem a cobrir os gastos do casamento. Cada mãe contribui na medida que lhe é permitido, podendo, por exemplo, responsabilizar-se pelo copo de água, ou por um elemento mais simples, como os convites de casamento personalizados que os noivos escolheram.

  • NÃO PODE: obrigar-vos a convidar certos parentes e amigos

O facto de que a tua mãe te ajude financeiramente com o casamento (ou que até o pague na totalidade), não implica que possa transformá-lo na “sua festa”. Tios afastados com os quais não tens nenhum contato, amigos do trabalho do teu pai e respectivas esposas… Todas aquelas pessoas que não entram na vossa esfera de amigos/familiares não têm que ser convidadas. A lista de convidados devem fazê-la vocês, sem pressões externas.

Feel Creations - Photo & Film

  • PODE: ajudar-vos com a organização e trabalhos manuais

Organizar um casamento requer muito dedicação e coordenação. Se se apercebem que não têm tempo (ou talento) para lidar com certas tarefas, não duvidem em pedir assistência às pessoas de confiança. Isto inclui a tua mãe. Ela, mais que ninguém, vai ficar felicíssima por poder participar nos preparativos. Pede-lhe que te ajude a distribuir os familiares pelas mesas. Pede-lhe que te encomende aquelas lembrancinhas originais que te cativaram. E se ela tem jeito para as manualidades, não duvides em implicá-la na decoração do casamento! Desde ajudar-vos a fazer os convites de casamento ou a recortar flores de papel, as suas mãozinhas carinhosas podem salvar-vos nos momentos mais atribulados.

  • NÃO PODE: fazer-vos sentir (ainda mais) estressados

O dia C aproxima-se a passos largos e ainda têm muitas tarefas pendentes? A última coisa que precisam é de uma mãe estressada que vos faça sentir ainda mais nervosos! A mãe tem o dever de apoiar e acalmar os ânimos, não de "meter mais lenha na fogueira"...

Rita Santana Photography

  • PODE: ajudar-vos a resolver imprevistos

A mãe da noiva é uma das pessoas mais atentas e envolvidas na celebração. Deste modo, caso surjam imprevistos antes ou durante a cerimónia, conta com a sua ajuda para magicar um plano B. Se a tua mãe é particularmente ágil e eficiente (convenhamos: maioria é!), não prescindas da sua sabedoria nos momentos mais conturbados.  

  • NÃO PODE: tomar decisões sem consultar-vos

O outro lado da moeda. Por muito perita que a tua mãe possa ser no mundo dos casamentos, ela tem de compreender, desde o momento zero, que a toma de decisões é responsabilidade vossa. Deem-lhe a oportunidade de opinar e expor alternativas, mas marquem esta linha com clareza: nada pode ser definido sem o vosso conhecimento e consentimento.

Rita Santana Photography

  • PODE (e DEVE): divertir-se imenso neste dia tão especial!

A tua mãe ajudou-te a escolher o vestido de noiva perfeito, esteve ao teu lado nos momentos mais estressantes, e ainda encontrou força para ajudar-vos com a decoração do copo de água. Ela sorriu e chorou contigo. Escutou-te, amparou-te e fez os possíveis e impossíveis para que este dia fosse inesquecível. O que é que ela merece? Divertir-se à grande e ser homenageada! Dedica-lhe um discurso emotivo ou oferece-lhe uma prenda de casamento especial… De certeza que ela vai ficar comovida com o gesto!

Filipe Santiago Fotografia

Finalmente, da mesma forma que a tua mãe te ajudou com tantas etapas dos preparativos, dá-lhe uma mãozinha na busca de um vestido de cerimónia à sua altura! Como mãe da noiva, ela merece exibir um look de arrasar no dia C! Encontrem algumas sugestões para o vestido da mãe da noiva no nosso catálogo de vestidos de festa e deixem-se inspirar pelas últimas tendências!