Sempiterne Fotografia
Sempiterne Fotografia

Primeiro, traçaram um plano, um budget inicial e um máximo que não deveriam nunca atingir. Mas decidiram personalizar o vestido de noiva, contratar uma animação especial, aumentar o tamanho do bolo de casamento e… de repente, extravasaram o orçamento! Não é pouco frequente que os casais cheguem a este ponto após meses de planificação, afinal, este é o vosso dia e, enquanto não querem gastar uma quantidade exorbitante de dinheiro no início de vida a dois, também não vão querer privar-se de nada! Mas calma, depois de trocar ao anel de noivado pelas alianças, entregar as lembrancinhas e voltar de lua de mel, está na hora de voltar a entrar nos eixos… não percam as nossas dicas para que recuperem o fôlego financeiro!

Avaliem os estragos

Calcular a dimensão das dívidas – e do quanto se desviaram do budget inicial – é o primeiro passo para recuperar e traçar um plano. A verdade é que nunca sabem o tamanho do prejuízo financeiro até que calculem tudo até aos cêntimos (ação que vos pode valer alguns sustos). Após saber o que ficaram a dever à quinta, à loja onde mandaram fazer o vestido de noiva com renda, aos vossos amigos e família, podem começar a pensar num valor razoável por mês direcionado para saldar essas despesas.

Rita Santana Photography
Rita Santana Photography

Planificação é chave

Porque não adianta nada entrar em pânico com as contas, agora é a hora de tomarem conta do vosso destino. Quer tenham ou não questões financeiras por resolver, apontar tudo onde gastam dinheiro vai dar-vos outra perspetiva do montante direcionado para a casa, para as contas pessoais, para o trabalho e lazer. Além disso, já puseram a hipótese de estar a gastar muito em algo que não se deram conta? Coloquem tudo em papel – ou num ficheiro Excel – e controlem melhor o que sai da balança.

Abram mão de alguns luxos

Aquele bolo de pastelaria que sabe tão bem ao início da manhã, somado a todos os dias de trabalho, pode revelar-se uma despesa absurda... Efetivamente, se pensarem, existem muitos gastos que, com algum planeamento, podem ser reduzidos, senão completamente eliminados. Que tal pôr em prática algumas dicas de poupança nos meses após trocarem alianças de casamento? Tomar o pequeno almoço em casa, desistir do ginásio e começar a ir correr ao ar livre, evitar ir ao cabeleireiro tantas vezes... Experimentem tomar estas medidas e surpreendam-se com os resultados!

Pedro Filipe Fotografia
Pedro Filipe Fotografia

Start small

Sem dúvida que os pequenos gestos, ao longo do tempo, fazem a diferença. Assim, que tal colocar de lado o valor de um almoço ou de uma saída sempre que planeias as tuas refeições em casa? Porque não trocar o brunch com amigos por um piquenique ou refletir se precisas mesmo de ir ao shopping quando começam os saldos… Por de lado o dinheiro destinado a estas e outras atividades pode dar-vos outra motivação assim que virem o mealheiro a crescer e começarem a implementar novos hábitos de poupança e economia doméstica.

Planeiem os momentos de lazer

A ideia não é que vivam em clausura até saldar todas as dívidas, mas encarar os momentos de lazer de forma mais consciente vai ajudar-vos a usufruir e, também a poupar! Jantares românticos, saídas a dois, escapadinhas de fim de semana são um must para escapar à rotina – e para prolongar o clima de romance após cortarem o bolo de casamento original – mas planeá-los de forma mais atenta e avaliando a sua regularidade pode ajudar-vos a poupar imenso, sem comprometer os momentos de maior cumplicidade.

Mint Tea Photography
Mint Tea Photography

Entreajuda!

Nem sempre os dois membros do casal podem gozar da mesma condição financeira ou dos mesmos hábitos de poupança. Ainda que em determinado momento tenham decidido dividir o valor dos gastos e dos convites de casamento simples, pode ser que no final essa carga tenha ficado mais pesada para um do que para outro. A ideia não é que suportem os custos consoante o vosso nível financeiro, mas nada como fazer algumas cedências, à partida, e ajudar e incentivar a tua cara metade. Afinal, trata-se de um trabalho de equipa!

Rodrigo Silva Photography
Rodrigo Silva Photography

Depois do sim, de dançar com todas as convidadas e fotografar os vestidos de cerimónia, após cortar o bolo e desfrutar de cada instante, chega de novo a realidade e alguns compromissos com os quais seria mais fácil não ter de lidar… mas descansem, não são os únicos noivos nesta situação! Se após entregar as lembrancinhas de casamento se depararam com algumas dívidas, agora é o momento de reverter esta situação, juntos!