Mémorelle Photography

Vestido de noiva, catering, bolo de casamento, entretenimento, lembranças... os casamentos são dispendiosos e podem facilmente deixar-vos com os cabelos em pé. No entanto, se sonham com um enlace mágico, não desistam do vosso objectivo! Mesmo que o o vosso orçamento não seja folgado, existem alguns "truques" que vos vão permitir trocar as alianças de casamento num entorno lindo e personalizado, como sempre idealizaram, sem que isso vos prejudique a carteira. Anotem estas dicas e metam mãos à obra! 

Look Imaginary

1. Comecem JÁ a organizar o grande dia

Regra de ouro: quanto mais cedo começarem a planear o vosso casamento, melhor! No que diz respeito à organização de eventos, o tempo é uma grande aliado, dado que permite negociar e contrastar propostas sem pressão. Comecem por estipular um orçamento e distribui-lo pelos diversos elementos do grande dia (copo de água, roupa, animação, prendas de casamento, lua de mel, etc), de forma a que possam ter os limites bem estabelecidos. Também podem - e devem! - ter uma agenda de atividades onde possam anotar todas as ideias e fornecedores com que querem contactar. Uma boa organização é a chave do êxito! 

2. E essa lista de convidados tão extensa...?

Maioria dos noivos não gosta de limitar a lista de convidados, mas lembrem-se: se reduzirem a lista, o custo do evento vai cair proporcionalmente. Sabemos que é um assunto delicado, sobretudo quando existe pressão por parte das famílias, mas esforcem-se por fazer uma seleção reduzida, na qual apenas incluam as pessoas com que têm uma relação de proximidade. Parentes distantes, colegas de trabalho e vizinhos não são nomes obrigatórios. 

Fotolux

3. Rendam-se às maravilhas da "época baixa"

Existem variações nos preços dos locais e serviços consoante a altura do ano, do dia e até da hora. Por isso, se evitarem um casamento às 16:00h de um sábado num mês de Verão, o mais provável é que consigam preços muito mais convidativos.  Entre Outubro e Abril, por exemplo, os locais oferecem preços mais apelativos, assim como maior disponibilidade. Não tenham medo de organizar o vosso dia C no inverno! Os casamentos que se celebram na estação fria são os mais românticos, íntimos e especiais... apenas têm de saber utilizar as maravilhas da temporada a vosso favor!

Quinta dos Machados

4. Têm jeito para os trabalhos manuais?

Já pensaram em fazer uns convites de casamento personalizados ou em criar pequenos elementos decorativos com materiais reciclados? Se têm jeito para os trabalhos manuais - ou se têm pessoas no vosso núcleo de amigos com talento - não duvidem em meter mãos à obra! A decoração floral, por exemplo, é um dos elementos mais caros da decoração. Se quiserem - e conseguirem - substituir as flores verdadeiras por galhos, peças de origami ou frascos de vidro decorados, vão conseguir poupar imenso. 

5. Alugar o vestido e o fato... why not?

Se têm um budget muito limitado, alugar os vestidos de cerimónia pode ser uma opção a considerar. Também podem optar por comprar um vestido em segunda mão ou até por reutilizar uma peça de família, fazendo pequenas modificações para adequar o modelo ao vosso corpo e estilo. No entanto, se decidiram que os vossos trajes nupciais são um elemento essencial, sempre podem contrastar preços online ou até considerar coleções passadas. Como é compreensível, os vestidos de noiva de 2019 são mais caros que os de 2017, e isso nem sempre significa que o estilo seja démodé

Ricardo Meira

6. Simplifiquem as refeições

As refeições são um dos elementos que mais pesam no orçamento. Se em vez de terem um jantar com vários pratos optarem por um buffet livre com opções ligeiras e apetitosas, vão conseguir um ambiente muito descontraído... e um preço mais acessível! Finger food, saladas variadas, sopas quentes e/ou frias, salgadinhos, patés... Peçam vários orçamentos (e detalhados) e optem por aquele que, para vocês, represente o melhor custo-benefício

7. Optem por um self service de bebidas

Do mesmo modo que devem simplificar as refeições e optar por um bolo de casamento simples, também é recomendável que tenham um self service de bebidas em vez de um serviço tradicional. Para além de ajudar-vos a ter o orçamento controlado, esta ideia também vai marcar pontos no que diz respeito à originalidade. Sim, ter um self service de bebidas é uma das últimas tendências no mundo nupcial, especialmente se disporem os drinks numa banheira, num carrinho de mão ou em baldes de metal com gelo. Caso para dizer: juntem o útil ao agradável!

BM Eventos

8. E quanto à lua de mel...

Se pudessem escolher, maioria dos casais optaria por passar a lua de mel numa praia paradisíaca, em Bali ou em Cancún. No entanto, como nem sempre é possível alcançar os nossos sonhos, o melhor é arquitectar um plano b que seja tão bom (ou ainda melhor) que o inicial. Já pensaram em fazer uma road trip por Portugal? Um fim de semana nos Açores? Ou umas férias muito relaxantes numa casa rural, perdida algures na Serra da Estrela? A verdade é que o nosso país está repleto de locais fabulosos que muitas vezes nem sabemos que existem... Visitem o vosso agente de viagens e deixem-se surpreender!

Daniel Lobo Photography

Verdade seja dita, vocês não precisam de vestidos de cerimónia luxuosos nem de umas lembrancinhas de casamento exorbitantes para ter um dia de sonho! Neste dia, a única coisa que importa é o amor que vos une. Por isso, enfoquem-se no que é importante e não se preocupem tanto com o orçamento... com imaginação e optimismo, vocês vão conseguir ter uma celebração inesquecível!