NJmattos
NJmattos

A tua cara metade ajoelha-se à tua frente, vês o brilho nos seus olhos e apercebes-te de que a tua vida está prestes a mudar... Se o casamento é um assunto já discutido entre vocês - e se até já pensaram na estética dos convites de casamento e nas melhores ideias para as lembrancinhas de casamento - o pedido deve estar prestes a acontecer! Mas… e se o anel de noivado não é exatamente o que estavas à espera? Descobre o que fazer nas próximas linhas: 

Timeless Studio - Fotografia e Vídeo
Timeless Studio - Fotografia e Vídeo

Relaxa e espera alguns dias…

Não foi amor à primeira vista e não te podes culpabilizar por isso. Afinal, se adoras o estilo delicado de uma aliança de ouro branco e a tua cara metade optou por um modelo mais tradicional, é normal que não o adores à partida. Usa o anel por uns dias e vê como te sentes com ele: consegues adaptar-te? É cómodo? Fica bem com o teu tom de pele? O que sentes cada vez que olhas para ele durante o dia? Antes de rejeitá-lo por completo, fala com a outra pessoa e tenta entender os motivos que a levaram a escolhê-lo. 

Não te precipites!

E aborda o assunto de forma calma e pragmática! Se mesmo após alguns dias não consegues adaptar-te ao anel, ou simplesmente olhas para ele e te arrependes de o ter mantido, está na hora de falar abertamente. Traz o assunto para a mesa quando estiverem os dois sozinhos e aborda-o de forma delicada. Explica ao/à teu/tua noivo(a) que não queres magoar os seus sentimentos, mas que não te consegues imaginar a usá-lo e que preferes que encontrem outra solução juntos.

Solução #1: troca ou devolução

Voltem à ourivesaria onde foi comprado o anel. Podes fazer as devidas mudanças nas pedras, na gravação ou no metal, ou escolher um anel de compromisso novo. Tenta sempre respeitar a outra pessoa e, acima de tudo, assegura-te de que podem pagar todas as alterações que serão feitas.

Solução #2: adaptá-lo

O anel é uma herança de família de algum tipo ou um objeto com um grande valor sentimental. Sabes que podes dar-lhe uma nova vida ao modificá-lo de forma subtil? Podes projetar um novo anel para guardar a pedra da família, usar o metal da peça original para criar uma aliança de casamento nova ou dar-lhe mais brilho ou opacidade. Quem sabe se com algumas alterações não acabas por adorá-lo?

Escolhe a aliança dos teus sonhos!

Se estás indecisa em saber se gostas ou não do anel, tenta lembrar-te do que ele representa. É um presente cheio de significado, que vai lembrar-vos de uma das fases mais eufóricas e felizes das vossas vidas, antes mesmo de começarem a fazer os convites de casamento. Que tal esperar pela escolha das alianças para ver como ficam os dois juntos? Ou apostar fortemente nesta segunda peça, para que seja tudo aquilo com que sempre sonhaste? 

Rita Santana Photography
Rita Santana Photography

Seja qual for a tua escolha, honestidade é sempre a melhor política! Todos temos no imaginário um pedido perfeito, o vestido de noiva ideal e o anel dos teus sonhos, mas a verdade nem sempre é essa e, quando o momento chegar, é importante saberem separar as coisas. Não te identificares com esta joia não é nenhum drama! Se acontecer, se honesta com o(a) teu/tua parceiro(a) – na altura de celebrar e provar o bolo de casamento nem se lembrarão disso!