Lourenço Wedding Photography

Uma vez passado o casamento, e fora da correria para decidir os convites de casamento, o modelo do vestido de noiva e as lembrancinhas de casamento, é normal que as prioridades do casal passem a ser outras. Entre elas, uma das mais evidente: aumentar a família com a chegada de um bebé. O nascimento do primeiro filho é um momento muito especial, que traz muitas novidades e adaptações a uma nova rotina. A alegria é superior a tudo, mas a verdade é que muita coisa muda a partir do momento em que o casal passa de ser apenas marido e mulher para se tornar também pai e mãe. O tempo parece voar e todas as atenções começam a estar concentradas no bebé, que precisa de constante atenção e cuidado. Entre as principais mudanças na rotina, vamos falar-vos de seis:

Monsieur Martínez

1. Escassez de momentos a sós

Depois de serem pais, o casal passa a ocupar os seus dias com o novo bebé, acabando por descurar os momentos a dois. Sobretudo nos primeiros meses, onde o bebé é muito dependente dos progenitores, é normal que nem cheguem a coincidir na cama quando for hora de dormir. Os serões a ver series no sofá, os jantares românticos, ou mesmo aqueles momentos em que discutiam horas a fio como deveriam ser os vossos convites de casamento personalizados, passam agora a outras prioridades: certificar-se de que o bebé comeu bem, preparar o banho, proporcionar um ambiente perfeito para que adormeça, etc. A vida sexual também pode sofrer alterações, mesmo depois da mãe passar o período pós-parto. É necessário adaptarem-se aos horários do bebé e programar esse momento antes de serem vencidos pelo cansaço, pelo que deixa de ser algo espontâneo para passar a ser bastante programado. Vejam as coisas pelo lado positivo: esta pode ser uma forma de inovarem e aproveitarem com mais intensidade esses escassos momentos que têm a sós.

2. Nova rotina

Com o passar do tempo, tudo volta a entrar na rotina, ainda que seja preciso calma paciência nos primeiros meses para lidar com as novas tarefas e experiências. Pensar positivo e olhar para as coisas menos agradáveis dos primeiros dias como uma etapa de aprendizagem pode ajudar bastante. Um conselho? Quando estiveres esgotadíssima e com a sensação de que tudo é caótico, lembra-te que és forte e que, durante os preparativos do teu casamento, também conseguiste resolver todo o tipo de situações – fazer umas prendas de casamento originais, coordenar tudo com os fornecedores, etc. Não há nada que não consigas fazer ou rotina à qual não te consigas adaptar. 

3. Responsabilidades acrescidas

Além da preocupação com a saúde do bebé, existem outras responsabilidades que acrescem. É necessário reorganizar as finanças, fazer um plano de gastos, e unir forças mais que nunca. As checklists são ideais para manter uma boa organização no seio familiar, tanto para as tarefas diárias como para a organização dos gastos. Se durante a organização de um casamento fizeste uma checklist com a data para escolher o bolo de casamento original ou para entregar os convites, também vais beneficiar ao criar pequenas listas nesta fase. Com os planos organizados, vão certamente sentir-se mais confiantes e tranquilos. 

Concept Chamber

4. Conversas e aprendizagens

À medida que o bebé vai crescendo, é inevitável que este seja o tema de conversa principal entre o casal. Conversas sobre vacinas, amamentação, o chegada dos primeiros dentes, os primeiros passos, a primeira palavra... tudo é motivo para conversarem sobre o bebé. Facilmente, os problemas do trabalho ficam esquecidos e aquela nova série de que toda a gente fala fica adiada uma e outra noite. Isso também acontece (em menor escala) no momento dos preparativos quando não consegues deixar de sonhar com o vestido de noiva a toda hora e te tornas completamente mono temática. É normal que isto aconteça, já que, em ambos os casos, cada dia é uma novidade.

 5. Mais união familiar

Depois da chegada do primeiro filho, um companheirismo reforçado aproxima o casal, que precisa de se coordenar para garantir o bem-estar do seu bebé. As atividades domésticas e os cuidados a ter passam a ser ainda mais em equipa. A experiencia é intensa e inexplicável, pelo que cada casal lida de uma forma diferente com esta nova adaptação. No fundo, o mais importante é que se sintam unidos e que trabalhem em conjunto para o bem-estar da família. 

 6. Encontrar o equilíbrio

Paciência acima de tudo! Com o bebé, com as novas tarefas, com as noite mal dormidas, com as hormonas da recém-mamã. Nem tudo é um mar de rosas mas, aos poucos, a adaptação à nova vida fica mais fácil. Uma vez mais, a união e o amor entre o casal deve ser mais forte do que tudo para que nada se desmorone. Por outro lado, não é fácil gerir a carreira, a vida social, a relação como marido e mulher e a atenção que requer um filho. Não existe uma fórmula para encontrar o equilíbrio – tal como não existe uma fórmula contra os nervos quando se troca as alianças de casamento – e cada um encontra a sua própria estabilidade à sua maneira. Eventualmente, todas as famílias encontram uma dinâmica confortável e segura! 

Mei Photography

Em suma, paciência, compreensão e muito amor! Tudo o que pais e filhos necessitam nesta fase tão especial. Apoia-te na tua família e amigos mais chegados, tal como o fizeste no momento de decidir o penteado de noiva ou quando tiveste que optar por um só bolo de casamento. Será a melhor fase da tua vida, desfruta deste momento mágico ao máximo.