Itália é conhecida pela sua monumentalidade e grandiosidade. Daí que coroarem o vosso casamento com uma viagem a este país seja um plano magnífico e promissor! Entre escolherem os convites de casamento e os sabores do bolo de casamento, aproveitem para planear passeios pelas ruas de Florença! Descontraiam enquanto se deslumbram com os museus, catedrais, mercados e edifícios históricos que este pérola tem para vos oferecer. Quem sabe se não encontram inspiração para um fato ou vestido de noiva com um toque de glamour italiano? Se se sentem curiosos e ansiosos por saber mais sobre este destino, não percam as próximas linhas!

Quando ir?

Existem voos diários para Florença, com partida de Portugal, o que significa que a data que escolherem para trocar as vossas alianças de casamento não será um problema para marcar a viagem. Qualquer que seja a vossa preferência é importante saberem que julho e agosto são meses de mais calor, o que não invalida passeios românticos pelas ruas da capital da Toscana onde encontrarão sempre detalhes dignos de um olhar mais atento ou de uma fotografia especial para recordar. A meteorologia desta zona de Itália é muito semelhante à de Portugal, por isso a data da viagem dependerá apenas do vosso gosto pessoal! 

São vários os locais de visita obrigatória nesta cidade. Preparem-se para encontrar apontamentos especiais quase a cada esquina e para se deslumbrarem com os magníficos pontos de interesse.

Praça do Duomo

É o coração da cidade e onde ficam localizados alguns dos seus principais monumentos. Tem o movimento de uma grande cidade cosmopolita, com turistas de todas as nacionalidades, o que a transforma numa verdadeira e rica Babilónia. Uma vez aqui, não percam a oportunidade de visitarem o Campanário de Giotto, o Batistério de São João (um dos edífícios mais antigos de Florença, construído entre 1059 e 1128) e o Museo dell’Opera del Duomo, onde poderão admirar as obras da Basílica de Santa Maria del Fiore e algumas obras do pintor Donatello. A Praça é animada pela presença de artistas das mais diversas áreas, e está rodeada de cafés e restaurantes com esplanadas que convidam a um momento de descanso. Aproveitem para fazê-lo depois de visitarem os monumentos e para namorar enquanto saboreiam um delicioso capuccino. É uma sensação única!

Basílica de Santa Maria del Fiore

É conhecida pelo Duomo de Florença - ou Catedral de Florença - e merece uma visita atenta tanto nos seus detalhes exteriores como no interior. Deixem-se deslumbrar pelos pequenos detalhes de pedra embutida que embelezam este monumento esplêndido e pelos pormenores de talha dourada que lhe conferem uma beleza indescritível. O início da construção da Catedral data do século XIII e há mais de vinte anos que recebeu o título de Património da Humanidade pela UNESCO. É o cartão postal de Florença e uma das obras mais importantes da arte gótica. Depois de conhecerem o exterior preparem-se para continuar a deslumbrarem-se com o interior deste edifício. Uma pequena nota: não podem entrar na Catedral com os ombros descobertos, por isso aconselhamos-vos a levar uma écharpe ou um casaco para a visita.

Ponte Vecchio

Um dos principais pontos de atração de Florença é esta magnífica ponte, uma das mais famosas da Europa e um dos símbolos da cidade. Data de 1345 e é o ponto de encontro de moradores e turistas que se passeiam sobre a mesma enquanto espreitam as montras das dezenas de ourivesarias que ali existem. A vista sobre o rio Arno é fantástica, oferecendo um pôr-do-sol único e muito romântico. 

Museu Uffizi

Junto às margens do rio Arno está um dos locais de passagem obrigatória desta cidade. O museu Uffizi é o mais famoso de Florença e encontra-se num edifício com mais de 500 anos. No seu interior podem deslumbrar-se com obras de arte de muita relevância, como "O Nascimento de Vénus" e a "Primavera", ambos de Botticelli, além de obras de outros artistas de igual renome como Michelangelo, Caravaggio ou Da Vinci. A visita vale a pena não só pelas obras expostas como pelo palácio em si, cuja construção data de 1560, que é de uma beleza inqualificável. Sintam-se verdadeiros membros da corte enquanto desfilam pelos imensos corredores durante a vossa passagem por este museu.

Conhecer as ruas

Uma das formas melhores para explorar uma cidade desta magnitude é desbravar as suas ruas e recantos a pé. Florença está bem preservada e existem sempre pequenas praças, ruas ou ruelas que merecem uma visita mais atenta. Deixem algum do vosso tempo para se misturarem com os locais e explorarem as pequenas lojas de comércio tradicional onde podem comprar recordações para oferecer aos familiares e amigos mais próximos. Se se munirem de um bom mapa turístico, podem descobrir passeios verdadeiramente fascinantes e off the beaten track, sobretudo no bairro Oltrarno, que é menos turístico. 

... e a gastronomia!

Não há que enganar! Em Itália abusem das pizzas e das pastas, pois aqui poderão provar as melhores do mundo! Todos os restaurantes - e existem muitos espalhados pela cidade - oferecem uma panóplia de fazer crescer água na boca e que vai dificultar a hora da escolha. No entanto, não podem abandonar a cidade sem provar um prato de crostini de fígado Toscado e um delicioso bistecca alla Fiorentina. Na hora de adoçar a boca, escolham entre um tiramisú ou uma pannacotta com frutos vermelhos e deixem as vossas papilas gustativas deliciarem-se. Buon appetito!

Depois de um período de grande azafama não há quem não queira relaxar. Encarem a vossa viagem de lua de mel não só como o primeiro passeio como casal oficial, mas também como uma forma de descomprimirem da preparação do sia C e das emoções do casamento. Para trás ficou a escolha dos convites de casamento e do penteado da noiva; agora chegou a altura de iniciarem uma nova vida e nada melhor do que um passeio romântico a dois para começar com o pé direito!