Boris the Cat - Wedding Photography
Boris the Cat - Wedding Photography

A partir do momento em que recebes um anel de noivado, surgem as primeiras ideias sobre o seu grande dia: começa a corrida aos espaços, a escolha da melhor decoração e do vosso look de noivos, entre outros tantos detalhes. Entre as diferentes tarefas está também a escolha dos convites de casamento, que levantará a primeira ponta do véu sobre o estilo do vosso grande dia. Por isso mesmo, importa que todos os detalhes sejam contemplados para que não falte nenhuma informação, sobretudo em tempos de Covid-19. O que incluir nos convites de casamento? Garantam que todas as informações importantes chegam aos vossos convidados com estas dicas. Começamos!

O que devem comunicar?

No texto dos convites de casamento, aconselhamos algo simples, mas fundamental: basicamente, o nome dos noivos, a data e hora do casamento e o local onde será realizada a cerimónia e o copo-de-água. Além disso, nunca pode faltar o vosso contacto ou endereço de e-mail para que familiares e amigos possam confirmar a sua presença no vosso dia até à data limite que também precisam de indicar no convite. Se preferirem, também podem incluir um cartão de resposta e um envelope para os convidados confirmem ou não a sua presença por correio normal, bem como um mapa de como chegar aos diferentes pontos da celebração.

Soft Box
Soft Box

Com quanto tempo devem ser enviados?

Por norma, e depois de escolherem o tipo de convite que querem, devem programar o envio a todos os convidados com um mínimo de três meses de antecedência. Isso significa que os devem receber cinco meses antes do enlace. No entanto, e devido à pandemia, recomendamos que entreguem e enviem todos os convites com cerca de quatro meses de antecedência para que todos se possam preparar. Em tempos incertos é mais fácil organizarem tudo se tiverem alguma margem de manobra, ainda que seja preciso um equilíbrio nos timings já que tudo pode mudar de uma semana para a outra. Por este mesmo motivo, o ideal é enviarem os convites com quatro meses de antecedência.

Covid-19: Que tipo de convites escolher?

Tendo em conta a nova normalidade, optem por convites de casamento online. Além de ficarem mais económicos, é a forma mais fácil de chegar a toda a gente, evitando o contacto físico. Para os convidados mais idosos, podem enviar por correio e guardar algum para recordação do vosso dia. Para os restantes, o melhor é enviarem por email ou colocarem diretamente no vosso site de casamento, caso tenham, para que todos possam facilmente consultar toda a informação que precisam.

White Valley - Fotografia e Vídeo
White Valley - Fotografia e Vídeo

Personalização e indicações fundamentais

A personalização dos vossos convites é algo que nunca pode faltar. Mesmo que sejam convites virtuais, há muitas formas de inovar e surpreender os vossos convidados. Pensem num texto ou numa frase personalizada que vos defina ou encontrem algum detalhe que seja o reflexo do estilo que escolheram para o vosso dia. Algo que, nesta fase, também não pode faltar são as indicações de segurança por parte da DGS para se certificarem que todos cumprem as regras no vosso dia. Uso de máscara obrigatório, quantas pessoas poderão estar em cada banco da cerimónia, como será feito o copo-de-água são coisas que devem vir numa folha juntamente com os convites de casamento. Assim certificam-se de que todos os convidados cumprem as normas de segurança.

Além dos convites de casamento, há ainda tanto a pensar para o vosso dia que nem sabem por onde começar. Na vossa lista, nunca poderá faltar a escolha do vestido de noiva ou de fornecedores fundamentais como o fotógrafo de casamento ou a animação. É importante pensarem em lembrancinhas de casamento de acordo com o momento, pelo que uma máscara personalizada pode ser sempre uma boa opção. Será um dia inesquecível!