Jhonathan Marques
Jhonathan Marques

Na hora de contratar o profissional que vai gravar o vosso casamento é fundamental ter uma ideia clara do que querem. Em linhas gerais, os vídeos de casamento podem ser mais ou menos clássicos, casuais, pormenorizados...

No entanto, podemos diferenciar três géneros bem diferenciados dos vídeos de casamento:

  • Vídeo Documental: Este género é o mais pedido pelos noivos de hoje. Cobre todo o casamento, desde a primeira hora do grande dia até à lua de mel, passando pela cerimónia, o copo-de-água e a festa. Inclui também entrevistas aos convidados, em que eles falam da sua relação com os protagonistas, captando as emoções e sentimentos de cada um. Em alguns, os noivos são entrevistados e contam como é que se conheceram, agradecem aos convidados por estarem presentes, etc. Este tipo de vídeo é dos mais caros, dado que necessita de mais de um câmara para ser gravado.
  • Vídeo Memória: este género combina o vídeo clássico, no qual se filmam a cerimónia e o copo-de-água, com vídeos caseiros e fotografias da vida dos noivos. Deve ter-se muito cuidado com a edição e montagem, e principalmente com a seleção das capturas, fotografias e músicas. Também pode incluir fotografias da lua de mel. O preço deste tipo de vídeos varia em função da experiência e qualidade do profissional.
  • Vídeo sem Edição: tal como indica o seu nome, este género mostra o vídeo tal como se gravou com a finalidade de ser uma fiel reprodução da realidade. É um tipo de vídeo muito mais simples que os anteriores e por isso é mais barato. No entanto, pode tornar-se muito comprido e aborrecido. Além disso, pode ter imagens que não sejam do vosso agrado.