Hexafoto
Hexafoto

"Something old, something new, something borrowed… and something new!" Quantas vezes já ouviste esta expressão? Ao escolher o vestido de noiva, pensar nas lembrancinhas e acessórios, ou mesmo quando falas sobre os vestidos de cerimónia com as tuas damas de honor. Mas afinal, a que se refere esta expressão? Como funciona a tradição dos quatro elementos que lhe está associada? Se já tens o anel de noivado, confere tudo neste artigo!

O porquê

A tradição dos quatro elementos é célebre nos Estados Unidos, mas a verdade é que é oriunda de Inglaterra, no século XIX e, essencialmente requer que a noiva leve quatro objetos para o dia em que troca alianças de casamento. Todos eles têm uma simbologia associada e crê-se que o seu uso durante este dia traga sorte e felicidade ao casal na sua vida futura.

Oppium Fotografia
Oppium Fotografia

Adaptada a todas as ocasiões

O mais incrível desta tradição é a sua versatilidade. Ela não está ligada a nenhuma religião em específico, o que a torna transversal a qualquer tipo de cerimónia, seja qual for o estilo do casamento e a religião dos noivos que trocam alianças de ouro branco no altar! Do mesmo modo, os quatro elementos podem ser escolhidos livremente pela noiva. 

Algo velho

O something old refere-se normalmente a peças com história, a objetos herdados da família ou a acessórios muito especiais e com um enorme simbolismo. Brincos, um pendente, anéis, relógio, um colar ou um travesseiro para o penteado apanhado… não basta que se trate de algo velho, mas sim um elemento com um significado muito especial para a noiva.

Casa Stop Eventos
Casa Stop Eventos

Algo novo

Este item representa o otimismo e a esperança com que os noivos veem o seu futuro em casal. Depois de cortar o bolo de casamento original, segue-se por vezes uma viagem, uma mudança de casa, de emprego, mas inegavelmente, de hábitos! É precisamente isto que simboliza este objeto, que normalmente é representado pelo vestido, pelos sapatos ou mesmo pela própria aliança.

Algo emprestado

Um verdadeiro desafio onde noiva, amigas e família devem puxar pela criatividade! Este objeto deve vir de alguém que esteja a viver um casamento ou qualquer outra fase muito feliz na sua vida, e que assim, transmita à noiva um pedacinho dessa mesma felicidade e euforia. Pode ser uma joia, uma medalha, o véu, os sapatos ou o toucado, por exemplo!

Azulclaro Fotografia
Azulclaro Fotografia

Algo azul!

A cor era usada em casamentos na Roma antiga e representava o amor, o equilíbrio, a dedicação e a lealdade. Há quem defenda que remonta aos tempos bíblicos, onde representava a pureza. Seja uma joia, um acessório ou qualquer outra peça, o azul não tem de obedecer a uma tonalidade específica para se enquadrar no ditado e, podes mesmo optar por algo que não seja tão óbvio assim – como flores do bouquet que combinem com os convites de casamento originais, uma peça de lingerie, etc.

Casa Stop Eventos
Casa Stop Eventos

Quem diria que uma tradição da old England na sua era vitoriana teria tanta repercussão nos dias de hoje? Gostavas de a adaptar ao teu casamento e usar um look e penteado de noiva cheio de simbolismo? Se for um sim, podes sempre deixar um espaço em branco nos convites de casamento das madrinhas ou família mais chegada, onde decidam quem disponibiliza um objeto para o something borrowed! Se és moderadamente supersticiosa e não resistes a um bom desafio, esta tradição é definitivamente um must!