Musicus Ensemble
Rua Dr. Costa Matos, 20 1ºD 4400-707 Vila Nova de Gaia (Vila Nova de Gaia) Mapa
Reservado? Guardar
Preço desde 400€
Partilhar

Equipa de Musicus Ensemble

Tiago Torres

Tiago Torres

Músico - Barítono

Natural de Guimarães, sou licenciado em Canto Teatral pelo Conservatório Superior de Música de Gaia, na classe da Professora Fernanda Correia (2018), em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (2008) e mestre em Toxicologia e Contaminação Ambientais pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar (2013).

A nível musical, iniciei os estudos em guitarra clássica na escola FAMINHO com o Professor José Vermeire em 2006. Posteriormente, na Fundação Real Colégio de Landim, iniciei os meus estudos em violino, na classe da Professora Vera Ferreira (2010), e em canto, na classe da Professora Joana Pereira (2011). É responsável pela direção artística do Grupo Coral de Riba de Ave (2009) e do Leading Voices – Coro da Porto Business School (2014).

Em 2014 ingressei na Fundação Conservatório Regional de Música de Gaia em canto, na classe da Professora Elsa Teixeira. Como membro do Coro da Fundação Regional de Música de Gaia, executei diversas obras entre as quais Requiem e Missa da Coroação de W. A. Mozart, Gloria de A. Vivaldi e Requiem de J. D. Bomtempo, sob a direção do Professor Maestro Mário Mateus.

Participei no Curso de Internacional de Música Vocal 2015, interpretando o papel de Pinellino na ópera “Gianni Schinnhi” de Puccini com a Orquestra Filarmonia das Beiras, sob a direcção do Maestro António Vassalo Lourenço e encenação de Claudio Hochman. Sob encenação da Professora Fernanda Correia interpretei o papel de António na ópera “As Bodas de Fígaro” de Mozart e de “cão” na ópera “Brundibar” de Hans Krása, integrado na 23ª e 25ª edição do Festival Internacional de Música de Gaia, e de Colas na ópera “Bastien und Bastienne” de Mozart.

Participei em masterclass e workshops com Enza Ferrari, Ana Maria Pinto e Isabel Alcobia.

Atualmente frequento a Pós-Graduação em Canto no Conservatório Superior Música de Gaia, na classe da Professora Fernanda Correia. Sou ainda membro dos grupos Musicus Ensemble (2017) e Aeternus Cantabile (2018).

Raquel Pedra

Raquel Pedra

Músico - Soprano

Iniciei os meus estudos de canto com 16 anos na Escola Maiorff com o professor Pedro Telles apresentando-me em várias audições acompanhada ao piano por Jairo Grossi.

Iniciei em 2015 a licenciatura em Canto Teatral na classe da Professora Fernanda Correia no Conservatório Superior de Música de Gaia, tendo terminado o curso em 2018 com média de 18 valores. No âmbito desta instituição, apresentei-me várias vezes como solista em concertos e apresentações, e interpretei quadros de ópera como: “As Bodas de Fígaro”, “Cosi fan Tutte”, “Flauta Mágica” e “Don Giovanni” de Mozart, “L’elisir d’amore” de Donizetti e ainda “La traviata” de Verdi. Para além disso, participei no coro das óperas “As bodas de Fígaro” e “Bastien und Bastienne” de Mozart sob a encenação de Fernanda Correia.

No âmbito da mesma instituição, integrei o coro da Fundação Conservatório Regional de Gaia, tendo participado em obras como “Glória” de Vivaldi, “Missa da Coroação” e “Requiem” de Mozart sob a direção do maestro Mário Mateus.

Em 2016, frequentei o XVIII Curso Internacional de Música Vocal na classe de Concerto com a Professora Isabel Alcobia. Nesse mesmo ano, participei no Laboratório Interdisciplinar de Canto e Composição Cénica - Dueto(s) com a soprano Liliana Coelho e com a atriz Manuela Ferreira.

Em 2017, concluí o curso de formação teatral no Palácio do Bolhão com os formadores Pedro Fiúza e Cristiana Castro. Nesse mesmo ano, participei como solista na abertura do 24º Festival Internacional de Música de Gaia.

Em 2018, estreei-me como solista em ópera no papel de Rainha de Noite da ópera Flauta Mágica sob a direção do maestro Pedro Amaral com a orquestra Metropolitana de Lisboa. No 25º Festival Internacional de Música de Gaia interpretei a personagem Pardal na ópera “Brundibár” de Hans Krása, dirigida por Mário Mateus e encenada por Fernanda Correia.

Nesse mesmo ano, no campo da oratória apresentei-me como solista no “Glória” de Vivaldi na igreja Matriz de Rio Tinto e também na igreja das Taipas.

Aprofundei conhecimentos, tendo participando em várias masterclasses com Alexandra Calado, Ana Paula Russo, Elena Filipova, Enza Ferrari, Isabel Maia, Pierre Mak, Rudolf Piernay, Snezana Stamenkovic e Susan Waters.

Em 2018 iniciei a pós-graduação em Ópera na ESMAE com o professor António Salgado.

Sou mestre em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.

Fábio  Pinto

Fábio Pinto

Músico - Violoncelista

Nasci em 1995 e formei-me na Fundação Conservatório Regional de Gaia, na classe do Professor Valter Mateus com classificação máxima. Em seguida, ingressei como primeiro classificado, novamente com classificação máxima, na ESMAE, na classe do Professor Jed Barahal, tendo terminado a Licenciatura sob a sua orientação.

Em 2017, ingressei no curso de Mestrado, (Interpretação Artística), como primeiro classificado em violoncelo, na classe do professor Filipe Quaresma (ESMAE), com o qual frequenta atualmente o segundo ano.

Fui admitido, no presente ano letivo, para a realização de um estágio com o Remix Ensemble, orientado por Peter Rundel. Colaborei várias vezes com a orquestra Filarmónica Portuguesa, orientada pelo maestro Osvaldo Ferreira, orquestra criada com o intuito de reunir jovens talentos de todo o país.

Participei em Masterclasses com Filipe Quaresma, Jed Barahal, Marin Casacu, Paulo Gaio Lima, Marco Pereira, Henry- David Varema e, como ouvinte, Mats Lidström.

Apresentei-me a solo em vários festivais, assim como também com a camerata de cordas orientada pelo Professor Ryszard Wóycicki. Fui seleccionado para se apresentar a solo, em 2011, no Festival “Dias da música em Belém”, tendo a oportunidade de tocar no CCB (Centro Cultural de Belém). Entre 2011 e 2013 fui seleccionado para tocar a solo nas edições XVII/XVIII/XIX do Festival Internacional de Música de Gaia. Em 2013, antes de me apresentar em prova para entrar na ESMAE (Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo), fui seleccionado pela mesma para fazer parte da Orquestra Sinfónica da ESMAE na realização da obra: Sagração da primavera de Ígor Stravinski.

Rafael  Pinto

Rafael Pinto

Músico - Pianista

Natural de Santa Marinha, iniciei os meus estudos musicais aos 6 anos de idade em violino na Fundação Conservatório Regional de Gaia (FCRG). Aos 8 anos, iniciei os estudos de piano na classe do professor Rui Pintão. Em 2017, finalizei o 8.º grau com a classificação máxima e ingressei na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE), na qual frequento atualmente o 2.º ano de licenciatura na classe da professora Madalena Soveral.

Participou como solista no XVIV/XX/XXII/XXIII/XXIV Festival Internacional de Música de Gaia. Neste último festival, atuei como pianista solista acompanhado da orquestra do Conservatório de Gaia. Para além disso, participei também nos “100/101/102 Teclistas para Dona Helena Sá e Costa”.

Integrei em dois estágios com a orquestra de sopros da Academia Portuguesa de Bandas em 2015 e 2017.

Cheguei a realizar masterclasses com os professores: Damián Hernández, Constantin Sandú, Fausto Neves e John Rink.

Por último, cheguei a concorrer a vários concursos no qual foram-me atribuídos alguns prémios, a destacar: Menção Honrosa no XI Concurso de Piano da Póvoa de Varzim (2016); Menção Honrosa no Prémio Nacional Elisa Sousa Pedroso (2016); 2.º prémio no Concurso Nacional da Cidade de Gaia (2017); 3.º prémio no XIII Concurso de Piano da Póvoa de Varzim (2018).

Sofia Fernandes

Sofia Fernandes

Músico - Oboísta

Natural de Mafamude, iniciei os meus estudos musicais aos 12 anos na Fundação Conservatório Regional de Gaia. Aos 13 anos comecei a frequentar a Sociedade Musical 1.º de Agosto (Banda de Coimbrões – V. N. Gaia) sob a direção de Alexandre Sousa, na qual me mantenho atualmente como chefe de naipe.

Participei no 21.º/22.º/23.º/24.º Festival Internacional de Gaia como membro da Orquestra Juvenil do Conservatório de Gaia e como membro da Orquestra Filarmonia de Gaia.

Frequentei vários estágios de orquestras como: Estágio Nacional de Banda Sinfónica – S. Cipriano, Resende (2015); Estágio Douro (2015/2016), Estágio da Academia Portuguesa de Bandas (2017); Estágio de Orquestra Sinfónica e de Sopros – Mêda (2018). A destacar, em 2016 concorri para o 3.º Estágio da Orquestra Sinfónica Ensemble, na direção de Cesário Costa, onde consegui o lugar de 2º oboé, tendo tido a oportunidade de tocar nos Dias da Música no Centro Cultural de Belém em 2017.

Trabalhei também em orquestra com os maestros: Gabriel Pézone, Ertug Korkmaz, Grigor Palikarov, Cesário Costa, Paulo Martins, Francisco Ferreira e Fernando Marinho.

Em 2016, fui convidada para participar no concurso Certame Internacional de Bandas Vila D'Altea em Espanha com a Orquestra de Sopros da Academia de Artes de Chaves, na direção de Luciano Pereira, no qual foi obtido o 1º prémio.

Neste momento continuo a frequentar a Orquestra Juvenil do Conservatório de Gaia, sob a Direção de Mário Mateus.

Para além disso, frequento o 8.º grau na classe de oboé da professora Ana Madalena Silva.

Já o reservou?

SorteioGanhe 1.000€ para o seu casamento!

Solicite o orçamento através de Casamentos.pt e por cada visita ou contratação terá mais oportunidades de ganhar. Boa sorte! + info